Ordenar por: Ordem cronológica 
  • Itamaraty espera denúncia sobre brasileiros que insultaram russa em vídeo
    por: TV Folha19/06/2018 13h02
    Não é nada raro. Nas ruas de Moscou, torcedores enrolados nas bandeiras de seus países cercam jovens russas ou que não entendem a sua língua para gravar e postar vídeos de teor machista que estão despertando indignação nas redes sociais pelo mundo. No episódio mais comentado até o momento, um grupo de brasileiros cerca uma mulher russa cantando “essa é bem rosinha”, em alusão à cor de seu sexo. Sem saber do que se trata, ela canta junto na cena que acabou viralizando e provocou comentários de repúdio em todo o país. Leia mais
    Tags: rússia , copa do mundo , torcedores , denúncia , machismo , tv folha , torcedores brasileiros , assédios

    Visualizações: 27507 Comentários: 0

  • Médicos disputam atenção de pacientes em canais de YouTube
    por: TV Folha18/06/2018 02h10
    “Você quer melhorar o gosto da sua periquita?”, pergunta o ginecologista Bruno Jacob, 29, acompanhado de uma animada abertura musical. A pergunta era o título original do vídeo publicado no YouTube —um caça-clique, segundo o próprio ginecologista, criado pela pessoa que o auxilia nos vídeos. A repercussão negativa, contudo, levou à mudança do nome para “Alimentos que alteram o sabor da vagina” (tudo em maiúsculas, como é comum em outros tantos títulos do YouTube). “As pessoas que reclamam não chegaram a ver o vídeo”, diz Jacob. “Circulou como se a vagina tivesse um gosto ruim ou que a mulher deveria mudar o gosto da vagina para agradar o homem, e não é nada disso. A mulher tem que se sentir bem quando for receber o sexo oral do parceiro.” Leia mais
    Tags: youtube , folha , médicos , pacientes , tv folha , editoria-ciencia , médicos youtubers

    Visualizações: 324 Comentários: 0

  • Médicos disputam atenção de pacientes/seguidores em canais de YouTube
    por: TV Folha18/06/2018 02h08
    “Você quer melhorar o gosto da sua periquita?”, pergunta o ginecologista Bruno Jacob, 29, acompanhado de uma animada abertura musical. A pergunta era o título original do vídeo publicado no YouTube —um caça-clique, segundo o próprio ginecologista, criado pela pessoa que o auxilia nos vídeos. A repercussão negativa, contudo, levou à mudança do nome para “Alimentos que alteram o sabor da vagina” (tudo em maiúsculas, como é comum em outros tantos títulos do YouTube). “As pessoas que reclamam não chegaram a ver o vídeo”, diz Jacob. “Circulou como se a vagina tivesse um gosto ruim ou que a mulher deveria mudar o gosto da vagina para agradar o homem, e não é nada disso. A mulher tem que se sentir bem quando for receber o sexo oral do parceiro.” Por sinal, sexo é um dos temas mais frequentes no canal do médico, inaugurado há cerca de um ano. Tudo começou no Instagram (onde já tem 45 mil seguidores); depois, ele migrou para o YouTube (onde tem mais de 400 mil inscritos). Em seu canal no YouTube, chama suas seguidoras de ginequetes e usa linguagem simples e chamativa para atrair atenção e fãs. “Vendo vídeos do YouTube, eu aprendi a tocar violão e fazer sushi. O que eu tenho para ensinar às pessoas?”, pergunta Jacob. “Ginecologia.” Para ele e para a ginecologista Laura Lúcia Martins, 44 (240 mil inscritos no Youtube), o tempo reduzido das consultas e a preocupação em passar informações de modo mais simplificado para o público foram o combustível para a criação dos canais. Os resultados, de acordo com Jacob, já estão sendo vistos em relatos de seguidoras. Segundo ele, algumas relatam menor frequência de episódios de candidíase.
    Tags: médicos , ginecologista , consultas médicas , youtubers , vídeos de médicos , médicos youtubers , dr google , bruno jacob

    Visualizações: 11 Comentários: 0

  • Brasil se junta aos favoritos que decepcionaram na estreia
    por: TV Folha17/06/2018 19h05
    Brasil decepcionou na estreia, mas não há motivo para desespero: nenhuma seleção favorita mostrou um grande futebol, e só a França venceu seu primeiro jogo. No Salada Russa, os repórteres Naief Haddad e Ana Estela de Sousa Pinto, além do colunista Clóvis Rossi, comentam o 1 a 1 com a Suíça. Com apresentação de Uirá Machado, editor da Ilustríssima, o programa também analisou o desempenho de outros times e discutiu a maior participação de mulheres em mesas redondas esportivas.
    Tags: rússia , copa do mundo , clóvis rossi , tv folha , ana estela de sousa pinto , camila matoso , uirá machado

    Visualizações: 295 Comentários: 0

  • Árbitro deu 3 amarelos para o mesmo atleta no Mundial de 2006
    por: TV Folha16/06/2018 12h43
    O inglês Graham Poll chegou à Alemanha como um dos favoritos para apitar a final da Copa de 2006. Esse favoritismo durou até 22 de junho daquele ano. A partida entre Austrália e Croácia, pela última rodada da fase de grupos, marcaria para sempre a carreira do árbitro inglês. Poll colocou seu nome na história das Copa na Mercedes-Benz Arena, em Stttugart. Foi a noite em que pela primeira e única vez no torneio um jogador recebeu três cartões amarelos no mesmo jogo. Poll advertiu Simunic no início do segundo tempo por impedir a passagem do Australiano Harry Kewell com o braço, na entrada da grande área. Dez minutos depois, o croata puxou pela camisa o atacante Mark Viduka no meio de campo para impedir o contra-ataque do rival. Leia mais
    Tags: futebol , jogo , copa do mundo , árbitro , cartão amarelo , tv folha , folha de s paulo , editoria-esporte , mundial de 2006 , causos da copa

    Visualizações: 232 Comentários: 0

  • E agora, Brasil? Mercado de Trabalho
    por: TV Folha16/06/2018 11h50
    Entre 2014 e 2016, o número de trabalhadores atuando no mercado formal brasileiro como cobradores de transportes coletivos, exceto trem, caiu 14,5%. Essa redução representa o dobro do recuo de 7% considerando todas as ocupações com carteira assinada. A "TV Folha" conversou com cobradores, um especialista em políticas públicas e um pesquisador para entender o fenômeno. Na outra ponta, setores mais sofisticados, como o de serviços de tecnologia da informação, destacaram-se entre os que geraram vagas entre 2011 e 2016. Os números foram levantados pela reportagem da Folha na Rais (Relação Anual de Informações Sociais), principal banco de dados do mercado formal no país. Leia mais
    Tags: ônibus , crise econômica , cobradores , e agora , tv folha , rais , editoria-mercado , brasil? vagas de emprego

    Visualizações: 605 Comentários: 0

Resumo

  • Visualizações 109285932

Procurar Posts

Procure por título, descrição ou tags nos posts do autor

Arquivo

RSS O que é isto?